Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Like A Man

14
Jan17

Vamos comer à Bicicleta?


LiAM

abicileta-0054Se convidarem alguém para ir almoçar ou jantar ao Novotel de Lisboa o normal será verem um nariz torcido. Seja familiar, a mulher ou um grupo de amigos ao indicar o nome do hotel que fica em Lisboa, na Avenida José Malhoa, o normal é que não percebam muito bem e vos perguntem: "Queres ir onde?".A não ser que já conheçam o novo restaurante desse mesmo hotel: "A Bicicleta". Um restaurante de (bons) petiscos e que aparentemente nada tem a ver com a ideia que temos de ter uma (boa) refeição no restaurante de hotel (ressalva: há excelentes restaurantes em hotéis de Lisboa, Porto ou Algarve). Sobretudo porque não é um restaurante de hotel é um restaurante. Ponto. Que está num hotel.abicileta-0012

Ora, tanto eu como o João já fomos a este novo restaurante por motivos diversos. O meu foi profissional. Falei com o responsável do Novotel Lisboa, tomei conhecimento da carta soube da ideia algo "out of the box" de um espaço daqueles num hotel. Como depois fui lá anónimo pude comprovar que o serviço é bom, mas às vezes um pouco atabalhoado, e a comida continuou boa. Assim, e como o LiAM gosta de vos dar bons conselhos, aconselhamos terem um almoço ou jantar neste A Bicicleta.A carta é constituída por vários pratos em filosofia de petisco. Provei a salada de tomate com mozzarela de Buffula, e o prato de bacalhau com guacamole muito bem confeccionado. Mas estas são apenas algumas das várias opções num que tanto é interessante para ir num almoço de trabalho, ou num jantar a ver o jogo de futebol do clube do coração com amigos, ou mesmo com a nossa cara metade. Conquistada ou por conquistar!O único senão neste restaurante é o ainda desfasamento do atendimento de alguns dos empregados. Um espaço descontraído como este, que faz gáudio das suas mesas grandes e sociais (uma tendência com décadas no norte da Europa e que finalmente chega ao nosso país), tem metade dos empregados a atenderem de acordo com o espaço, e outra metade ainda muito habituado a modos de hotelaria antiga, com modos e trejeitos desfasados para uma clientela mais desprendida de salamaleques e mais focada na qualidade. Ah, e falta também uma boa oferta de cerveja artesanal. Este espaço pede-o como ninguém.De resto, aconselho a irem lá provar os seus bons petiscos. Não é caro, mas não é barato. Um almoço sem sobremesa anda à volta dos 15 euros. O jantar é mais caro. Eat Like A Man!dsc_0075dsc_0024dsc_0037dsc_0020

Instagram Like A Man!

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.