Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Like A Man

Um mercado só para homens? Meus senhores, sejam bem-vindos aos The Glentemen’s Market

topo.png

É um fenómeno que já tem alguns anos. Os Mercados, Mercaditos e Mercadinhos organizados por bloggers, marcas de nicho ou até por marcas de maior dimensão.

Mas o que nunca houve - não a esta escala, pelo menos - foi um Mercado exclusivamente para homens. Não houve... até agora. E o "exclusivamente" aqui é com as devidas aspas, já que todos sabemos que raramente os homens vão às compras sozinhos. Meus senhores, preparem-se para conhecer o The Glentemen’s Market.

 

Como parte interessada, e Media Partner do projecto, o LiAM foi conversar com os responsáveis. Fiquem com o resultado e não esqueçam de marcar já na agenda: 12 e 13 de Maio vamos ter um encontro de cavalheiros. Vemo-nos por lá!


O que é o The Glentemen’s Market (TGM)?

O TGM é um mercado para homens. Vem nesta nova tendência de retalho, que é "o mercado" mas que até agora só havia para mulheres. Aqui os homens vão encontrar produtos exclusivos (não obrigatoriamente caros), ou seja, tudo o que não é de mass market, alfaiates em vez de lojas de fatos, águas de colónia em vez de perfumes convencionais, etc. Tem várias áreas: gourmet, motores, desporto e moda.

 

style.jpg

Quem é o vosso público-alvo?

O TGM é direcionado para homens de todas as idades, no sentido em que os produtos expostos são mais direcionados para homens. Mas as senhoras também são bem-vindas.

 

Que marcas vamos poder encontrar no espaço?

Várias, para enumerar algumas e sem qualquer tipo de privilégio ou ordem de preferência: nos motores, por exemplo a Abarth e a FS Automóveis (clássicos); na moda vamos ter a Be Spoke, a UOY como alfaiates, a Shirt By Hand, gravatas Ittamarindo... e até a clássica Duffy vai lá estar com os seus novos blusões, Paez, Beirut, entre outras. No mercado gourmet vamos ter vinhos, Caves Messias com muitas marcas e a Quinta do Duque também. Teremos a Miss Can com conservas, o Naked, o Ponto Mais Doce da Cidade, e o Bota Sal a servir refeições (restaurante em Lisboa do Sal - Restaurante da comporta). Vamos ter a Barbehood a fazer Hot Towel Sessions à antiga e a cortar o cabelo a quem quiser, a Undandy com sapatos, a LabPerfum com águas de colónia, a Breklim com pranchas de Surf em madeira (feitas em criptomeria)... vamos ter barcos de wakeboard da Nautique, pranchas etc. O padrão em todos estes produtos é que nenhum é de mass market, todos têm um lado de exclusividade.

engines.jpg

Há bastantes marcas que aderiram, e algumas que ainda estão a aderir, mas o importante é que no fundo isto seja um mercado com marcas com um posicionamento idêntico a partilhar clientes. Esse é o principio do Mercado. Vais lá para ver coisas que não vês nos centros comerciais.

 

Porquê um The Gentlemen’s Market agora? Qual o propósito?

Porque não havia, e fazia falta!  É bom para a indústria e especialmente para estas marcas de nicho. 

 

Com que regularidade vamos poder contar com The Gentlemen’s Market?

Ainda não sabemos ao certo. Esta será a primeira edição e estamos focados em que corra bem, para depois avaliar o futuro. O plano é que seja anual. Agora queremos que seja um sucesso para as marcas que arriscaram connosco na primeira edição!

guilty.jpg

 

Ainda há vagas para expositores? Como fazer para ser um?

À data há muito poucas. Para ser expositor basta enviar um e-mail para geral@thegentlemensmarket.com ou ir ao site.

 

Ficha Técnica The Gentlemen’s Market:

style2.jpg