Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Like A Man

Sugestão: a Madeira dos Paus

Capturar.JPG


A abrir uma confissão: não gosto de música cantada em português de Portugal. Podem já começar a atirar-me coisas, mas não gosto! Tenho grande dificuldade em ouvir a música cantada pela língua cá do burgo. No entanto, se for cantada pelo português do Brasil, já gosto mais.

Mas, e como em tudo, há sempre um “mas”, e uma dessas (poucas) exceções é a banda PAUS.

 

É a nossa sugestão desta semana, em que a primavera teima a não chegar. Ouvir o novo álbum dos PAUS que se chama "Madeira". Aliás, para os mais atentos, hoje, dia 13 de abril, os quatro músicos vão estar no Capitólio em Lisboa e amanhã, 14, vão estar no Teatro Aveirense, em Aveiro.

Capturar1.JPG


Não existe uma razão especial para gostar do som dos Paus, mas a verdade é que gosto. Das duas baterias, da electrónica aqui e acolá e do som a beber aos Sonic Youth - digo eu. Nunca os vi ao vivo, apenas trabalhei na mesma empresa, embora indiretamente, com um dos membros da banda: o Joaquim Albergaria, numa altura em que ele começava a lançar – com os restantes membros da banda – os Paus.

Uma rápida audição por este novo "Madeira" e destacam-se, logo, quatro músicas: "L123"; "Madeira", "970 Espadas" e "Blusão de Ganza II". É muito, muito bom. E estou certo que uma vez que comecem a ouvir esta banda, vão ficar “viciados”.

29216230_1737154469661693_217155938782543872_n.jpg

 

Já no primeiro álbum, “Paus”, se podia verificar os caminhos por onde os quatro músicos nos queriam levar. “Madeira” confirma mais maturidade. Dá vontade de brincar com as palavras e dizer que os Paus estão como um bom Porto envelhecido em barricas de madeira. Mas ao contrário do vinho, este “Madeira” é para consumir sem limitações.

 

Fiquem com um dos vídeos de "Madeira" - "L123":