Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Like A Man

23
Mar17

Fortes, sensíveis, duros e românticos!


LiAM


homem-a-serio

E isto tudo que leram no título e mais alguma coisa. Como sabem a vida dos nossos pais era diferente da nossa, homens de agora, talvez mais fácil porque era mais dura! Passo a explicar sem querer dar uma de machista, porque afirmo desde já a minha condição de feminista (e de masculinista)! No tempo dos nossos pais e avós (e ainda mais para trás no tempo) a vida era muito dura. Trabalhava-se muito, na maioria das vezes de sol a sol. Os afetos de pai para filho eram quase inexistente. Uma coisa rara, como se isso pudesse ser entendido como um sinal de pouca masculinidade ou mesmo incentivar a criança, futuro homem, a ser mais mole com a vida. Do género, como se costuma ler nas redes sociais: “A vida não é dura, tu é que és demasiado mole”.

 

Ora, para voltar de vez ao assunto do título deste post sem me dispersar, aos homens de hoje é pedido tudo pela sociedade – que, como todos sabem é hoje muito justamente dominada pelo sexo feminino. "Elas" merecem depois de tudo o que passaram nos últimos séculos.

É certo que nós homens ainda achamos que mandamos, mas se pensarmos bem no assunto (se calhar nem vale a pena) é a mãe, mulher, namorada, chefe ou aquela amiga que só vemos como irmã (mesmo quando está só em lingerie) que nos influência totalmente.Ora ao homem de hoje a mulher pede tudo! Tudo mesmo.

Ora quer um macho, às vezes. Mas quer um gentleman, também às vezes. Quer um homem sensível, por vezes, mas duro e que saiba dar um murro na mesa, também por vezes. Quer um homem atlético, mas que também seja culto. Querem um Bad Boy mas que na maioria das vezes seja um homem confiável  e que não falhe. E quer um bom pai, bom chefe de família, que transmita os melhores genes aos filhos, tanto físicos como psicológicos. E ainda, e muito bem, quer ser notada e apreciada mas também quer o seu espaço!

E nós, no meio disto tudo como reagimos? Como um homem (Like a Man), claro!

Tentamos ser isso tudo e muito mais. Bons em tudo. O que às vezes não é fácil e também, por vezes é cansativo. E atualmente, raras são as mulheres - excepção feita às nossas mães  - que nos admitem falhas. Hoje em dia, se falharmos nesta "dança" de sentimentos e atitudes que as mulheres nos exigem tanto pudemos estar “fritos” no final do dia como sermos os seus heróis. Nunca a vida foi tão difícil para os homens como agora! Não foi para isso que as nossas mamãs nos criaram, bolas!

Mas, ao mesmo tempo, nunca foi tão divertido, interessante e aventuroso ser-se homem à homem!

Quando conseguimos chegar a um nível de confiança com humor e sermos nós próprios, e ao mesmo tempo conseguimos espalhar carisma, luz e termos sucesso nos campos que queremos - e não estou a escrever apenas no campo dos relacionamentos amorosos - é fantástico e quase, e sublinho, quase que somos imbatíveis.

Por isso, o conselho que o LiAM vos dá no que toca a relacionamentos com o adorado sexo feminino é simples: sejam criativos, originais, divertidos e sejam vocês mesmo. Não vale a pena inventar muito, não vale a pena ter medos. Ganhem aquela coragem que os vossos pais e avós tinham no seu tempo para muitas ações e adaptem-nas às novas situações. Um homem é sempre um homem, desde que seja sempre um cavalheiro!






 

1 comentário

Comentar post

Instagram Like A Man!

Siga-nos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.